PETROBRÁS APROVA IPO DA BR DISTRIBUIDORA

11/07/2017 22:31:55 - AE NEWS

ESTADÃO: PETROBRÁS APROVA IPO DA BR DISTRIBUIDORA
 

Rio, 11/07/2017 - O conselho de administração da Petrobrás aprovou ontem, 11, a abertura de capital da sua subsidiária BR Distribuidora por meio de uma oferta pública secundária de ações - quando são ofertadas ações já existentes. A decisão é uma alternativa ao projeto de vender o controle da empresa a um sócio e está em estudo na companhia há pelo menos dois meses, conforme antecipado em maio pelo Estadão/Broadcast.

A Petrobrás informou que, no processo de abertura de seu capital, a subsidiária de distribuição de combustíveis pretende aderir ao segmento especial do mercado de ações da B3 (antiga BM&FBovespa), denominado Novo Mercado.

“Todos os atos necessários para realização da oferta estarão sujeitos à aprovação dos órgãos internos da Petrobrás e da BR, bem como à análise e à aprovação dos respectivos entes reguladores, nos termos da legislação aplicável”, disse a Petrobrás em nota à imprensa.

O presidente da estatal, Pedro Parente, afirmou, em junho, que a empresa estava aprofundando a opção de abertura de capital da BR em meio a condições favoráveis. “Observamos histórico recente de IPOs (sigla em inglês para oferta inicial de ações) e decidimos realizar estudos”, afirmou à época.

Gestão compartilhada
A pretensão anterior da petroleira era obter uma gestão compartilhada da empresa de distribuição de combustíveis, no qual seria majoritária no capital total, mas teria fatia de 49% no capital votante.

A venda já estava sendo negociado com potenciais compradores, mas as conversas foram interrompidas após o Tribunal de Contas da União (TCU) exigir que a Petrobrás revisasse seu programa de venda de ativos e de formação de parcerias.

Um dos pontos que pesaram a favor da abertura de capital foi que com o lançamento de ações em bolsa, a estatal manterá o poder de decidir os rumos da BR, ao contrário do que aconteceria com a alienação do controle.

A declaração de Parente foi recebida com otimismo por especialistas ouvidos pelo Estadão/Broadcast no mês passado. Para analistas da corretora Coinvalores, o IPO tende a gerar capital e ajudar no processo de desalavancagem (indicador que mede a relação entre a dívida e o patrimônio da companhia) da Petrobrás, além de trazer perspectiva de melhorar gestão da BR.

No anúncio de ontem, 11, a Petrobrás informou ainda que o comunicado sobre a abertura de capital não deve ser considerada como anúncio de oferta. “A realização dependerá de condições favoráveis dos mercados de capitais nacional e internacional”, diz a nota.

Fonte: Agência Estado/Broadcast




Endereço:
Viaduto Nove de Julho - 1º andar
Bela Vista - CEP: 01050-060
São Paulo - SP
Telefone: (5511) 3291-8735